SEM ANTECEDENTES CRIMINAIS, CÉSAR MAIA, TOMARÁ POSSE DE VEREADOR POR PARNAMIRIM

EXPECTATIVA:  Posse está marcada para a próxima terça-feira, 08/06, como havia antecipado com exclusividade o Jornal do Estado

Por Genilson Souto
Editor do JE

 Desde a prisão do vereador Diogo Rodrigues da Silva, em 20 de abril, até o fechamento desta edição, dia 06 de junho, já se passaram 46 dias, finalmente vai tomar posse como vereador na Câmara Municipal de Parnamirim, na região metropolitana do Natal, César Augusto de Paiva Maia. Assume o cargo num momento histórico para o Poder Legislativo do terceiro maior colégio eleitoral Potiguar. 

César Maia (PSD), tem 33 anos, nasceu em Pau dos Ferros em 02 de janeiro de 1989, assume a cadeira do vereador afastado, Diogo Rodrigues, que em breve também deverá ter seu mandato cassado pela justiça, certamente César Maia, deverá ter a oportunidade de exercer com responsabilidade e transparência, até o fim do mandato, em 2024, o cargo de parlamentar na terceira maior e mais rica cidade do Rio Grande do Norte. 

Dr. César Maia, como é conhecido na sociedade, não possui antecedentes criminais. Sua candidatura foi avalizada pelo Ministério Público Eleitoral. Ele recebeu nas eleições de 2020, 1.570 votos, mas não se elegeu, ficando na primeira suplência do seu partido, o PSD. Não se sabe ainda se o jovem médico, o único na atual legislatura, fará parte do governo ou se migará para a oposição, ele apoiou a reeleição do atual prefeito, Rosano Taveira da Cunha (PRB).

 EXPECTATIVA DA POPULAÇÃO

 A posse de César Maia acontece após o sucesso da operação “Fura Fila”, deflagrada pelo Ministério Público e o Gaeco em 20 de abril, sendo essa a maior operação do Ministério Público para desbaratar um esquema de fraudes já realizado no Sistema Único de Saúde, arquitetado dentro da estrutura administrativa da Prefeitura Municipal de Parnamirim, liderado por Diogo Rodrigues e diversos operadores que de forma direta e indireta, colaboraram com a montagem de uma organização criminosa que agiu entre 2017 e 2022 na Central de Regulação, excluindo com seus atos criminosos, milhares de cidadãos usuários do SUS, da possibilidade da realização de exames e consultas.

César Maia é debutante na política, disputou apenas a sua primeira eleição, mas certamente manterá uma boa relação com os eleitores que lhe proporcionaram uma votação de 1.570 votos no ano passado, fará todo o esforço para cumprir as suas promessas de campanha. Será o único médico dessa atual legislatura que se encerrará em 31 de dezembro de 2024, até lá, terá tempo para adquirir experiência constitucional e fazer a fiscalização bem feita do Poder Executivo, criar e aprovar projetos de lei. Como profissional da saúde, deve abraçar essa bandeira, e por mera coincidência do destino, chega para exercer seu primeiro mandato, após escândalo na área da saúde do município.

Desejamos boa sorte! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.