RN criou 4,1 mil novos empregos em setembro, aponta Caged

O Rio Grande do Norte fechou o mês de setembro com saldo positivo de 4.181 postos de trabalho criados, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho. O balanço é a diferença entre 18.234 pessoas contratadas e as 14.053 demissões registradas no período.

O resultado do setembro do Caged foi inferior ao registrado em agosto no Rio Grande do Norte, quando foram abertas 6.351 vagas com carteira de trabalho assinada. Entre janeiro e setembro deste ano, foram criados 19.510 empregos, considerando dados consolidados.

Em setembro, todos os segmentos produtivos potiguares apresentaram saldo positivo de empregos. O destaque foi setor da agropecuária, com 1.356 novas carteiras de trabalho assinadas. Aparecem em seguida serviços, que abriu 1.059 vagas, e o comércio, com 1.015. Na construção civil, foram criados 363 postos de trabalho e na indústria, 388.

Geração de empregos no Brasil

O Brasil gerou 278.085 postos de trabalho em setembro, resultado de 1.926.572 admissões e de 1.648.487 desligamentos de empregos com carteira assinada. No acumulado deste ano, o saldo é de 2.147.600 novos trabalhadores no mercado formal.

No mês passado, o saldo de empregos foi positivo nos cinco grupamentos de atividades econômicas: serviços, com a criação de 122.562 postos distribuídos principalmente nas atividades de informação, comunicação e atividades financeiras, imobiliárias, profissionais e administrativas; comércio, saldo positivo de 57.974 postos; indústria, com 56.909 novos postos, concentrado na indústria de transformação; construção, mais 31.166 postos de trabalho gerados; e agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e aquicultura, que criou 9.474 empregos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *