POR NÃO HONRAR COMPROMISSOS, LIDERANÇAS POLITICAS SE AFASTAM DO PREFEITO ROSANO TAVEIRA

E AGORA JOSÉ? Será que foi porque fizeram algum pedido irregular ou ilícito e o prefeito de Parnamirim não atendeu? Ou foi o prefeito que se comprometeu com alguma coisa e não honrou o que assumiu depois de eleito?

EM BAIXA: APESAR DA FORTE PROPAGANDA QUE FAZ, PREFEITO É CONSIDERADO UM DESASTRE COMO GESTOR.

A insatisfação provocada entre os partidos e aliados políticos em relação aos compromissos assumidos e não honrados pelo prefeito Rosano Taveira (PRB), poderá prejudicar sobremaneira a campanha de quem ele apoiar em 2022. Um levantamento feito pelo jornalista Genilson Souto revela que os A insatisfação provocada entre os partidos e aliados políticos em relação aos compromissos assumidos e não honrados pelo prefeito Rosano Taveira (PRB), poderá prejudicar sobremaneira a campanha de quem ele apoiar em 2022. principais líderes políticos do estado e da cidade de Parnamirim, não confiam mais nas promessas do prefeito, ele que já decidiu que vai ficar na linha de frente dos trabalhos eleitorais para tentar eleger a sua esposa deputada estadual no ano que vem, poderá amargar uma grande decepção. Vários partidos da base governista, também persiste a “resistência” velada ao nome da primeira-dama, que tem o nome envolvido na operação “Fura Fila”, o que poderá ampliar a margem de perdas para Taveira, com forte tendência de apoio “branco” a Alda Leda, a candidatura dela poderá ficar inviabilizada.

As constantes operações do Ministério Público na cidade vão ser sentidas nas urnas no próximo ano, é só falar que o candidato está envolvido na “Fura Fila” que vem logo o famoso ‘vixi’, a aversão é total contra a corrupção. E é generalizada porque nem o prefeito, nem os vereadores, nem os partidos conseguiram resolver os principais problemas da população. Literalmente, tudo ainda parece por fazer, em uma cidade sem educação, sem saúde, sem segurança, sem saneamento básico, sem garantia de emprego e renda, e aí por diante.  

Pelo andar da carruagem, em linhas gerais, o prefeito que está deixando de fazer alianças com o povo, para fazê-las com políticos que não possuem histórico de trabalho na cidade, terá extrema dificuldade no enfrentamento com as urnas, muito menos sem as respostas que a população espera sobre os últimos escândalos que envolve figuras do seu governo. Isto se dará porque tudo o que o eleitor não deseja para seu município são essas engrenagens partidárias, alicerçadas em conchavos para se manter no poder, ou para tomá-lo.

Em Parnamirim este recado já foi dado de forma explícita na eleição municipal, quando uma vereadora, sozinha e sem estrutura, quase derruba o coronel que está no poder há 20 anos. O pleito de 2022 trará consigo uma nova onda de repúdio àqueles que estão amarrados ao velho cacique da política local. As últimas pesquisas revelam que novos nomes surgirão, a professora Nilda continua em alta, enquanto que a primeira-dama na última pesquisa sequer foi citada. É melhor ir se preparando, quem rir por último, rir melhor. Vai ter feijoada sem gorgulho.

Quem viver, verá!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.