“Nenhum nome da chapa de federal do PT é melhor do que os nomes da chapa do Solidariedade”, diz Kelps

ESTRATÉGIA POLÍTICA: Mas, aprofundando o debate, Kelps acredita que o Solidariedade pode, sim, fazer dois deputados federais.

“Pela experiência que vivi nos últimos anos, acho que a segunda vaga do Solidariedade está bem encaminhada. Um fato me traz essa confiança: ao analisar as duas chapas eu vejo que nenhum dos nomes do PT na chapa de federal é melhor do que os da chapa do Solidariedade, nem em capacidade de ir atrás de votos nem em conceito”, acredita ele.

Analisando o cenário para a disputa proporcional nas eleições de 2022 no Rio Grande do Norte, Kelps entende que os dois partidos mais bem situados neste momento são o Solidariedade e o PT.

Em relação ao PT, o mundo político não tem dúvida de que o partido fará dois deputados federais. Em relação ao Solidariedade, Kelps também percebe que os especialistas em contabilidade política do Estado já concluíram que a legenda já consolidou uma vaga para a federal.

Mas, aprofundando o debate, Kelps acredita que o Solidariedade pode, sim, fazer dois deputados federais.

“Pela experiência que vivi nos últimos anos, acho que a segunda vaga do Solidariedade está bem encaminhada. Um fato me traz essa confiança: ao analisar as duas chapas eu vejo que nenhum dos nomes do PT na chapa de federal é melhor do que os da chapa do Solidariedade, nem em capacidade de ir atrás de votos nem em conceito”, acredita ele.

Kelps finaliza afirmando: “Temos hoje os pré-candidatos a federal mais votados nas 3 maiores cidades do Rio Grande do Norte, além disso temos nomes já testados nas urnas e com grandes votações tanto em eleições municipais como estaduais”.

FEDERAL: Professora Nilda, ex-candidata a prefeita de Parnamirim em 2020, pleito aonde obteve mais de 32 mil votos, é uma das principais apostas do SOLIDARIEDADE para 2022.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.