Justiça manda soltar Wendel Lagartixa, candidato a deputado pelo PL

O candidato a deputado estadual pelo Partido Liberal (PL), Wendel Fagner Cortez de Almeida, conhecido como Wendel Lagartixa, e que estava preso desde o último dia 12 de julho, suspeito de participar de um triplo homicídio, recebeu, nesta quinta-feira (15), a liberdade por intermédio de decisão judicial expedida pelo juiz José Armando Ponte Dias Junior, da 2ª Vara Criminal da Comarca de Natal.

O magistrado justificou o alvará de soltura para Wendel com o fim da fase de investigação policial, dado que o Inquérito foi concluído e uma denúncia foi oferecida à Justiça pelo Ministério Público.

“Indefiro, pois, o pedido de prisão preventiva manejado pelo Ministério Público em desfavor dos acusados
e, estando já encerrada a investigação policial, hei por bem revogar a ordem de prisão temporária
anteriormente expedida em desfavor dos então indiciados”, diz a decisão.

Além de Wendel, também está deixando a prisão o acusados Francisco Rogério da Cruz. A decisão envolve também o ex-policial militar João Maria da Costa Peixoto, conhecido como João Grandão, e que está foragido da justiça. Para ele a justiça determinou a expedição de um contramandado de prisão, o que significa a anulação do mandado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.