CentralCidadesDESTAQUES

Seturn quer faixa exclusiva para transporte público na Felizardo Moura

O Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros do Município do Natal (Seturn) expressou sua preocupação em relação à retenção de ônibus que circulam no acesso à ponte de Igapó, no sentido Quintas/Zona Norte, durante os horários de pico, entre 16h e 18h30, em dias úteis, e sugeriu, em ofício enviado à Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU), a implementação de uma faixa exclusiva para o transporte coletivo durante o horário.

A sugestão do Seturn é fundamentada na lei federal 12.587/12, que estabelece a prioridade do transporte coletivo sobre o transporte individual e de carga, e é apontada como forma de evitar a retenção dos ônibus e garantir a fluidez no acesso à ponte de Igapó. De acordo com o sindicado, a medida se justifica pela importância da via para o deslocamento diário dos cidadãos no retorno para suas residências.

O Seturn alega que, desde janeiro, o sentido Zona Norte/Centro da ponte de Igapó já conta com restrição para veículos particulares das 6h às 8h, de segunda a sexta-feira, devido às obras de restauração da via. No entanto, o que está sendo proposto neste momento é uma solução semelhante para o sentido Quintas/Zona Norte, com a criação de uma faixa exclusiva para ônibus nos horários de pico.

De acordo com o sindicato, a medida emergencial tem o objetivo de melhorar a mobilidade urbana na região, beneficiando os cerca de 105 mil passageiros que utilizam as 33 linhas de ônibus que trafegam pela ponte de Igapó. Para implementar essa proposta, o Seturn solicitou à STTU a sinalização vertical adequada, visando garantir a eficácia da faixa exclusiva durante o período.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *