BRASIL

STF forma maioria para ampliar foro privilegiado

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou maioria de votos nesta sexta-feira (12) para determinar a ampliação do foro privilegiado mesmo após autoridades deixarem o cargo, permitindo que deputados, senadores, ministros e outras autoridades sejam investigadas pela Corte em crimes praticados no exercício ou que tenham relação com o cargo.

O julgamento foi suspenso em seguida devido a novo pedido de vista do ministro André Mendonça. O julgamento já havia sido suspenso no final de março pelo ministro Luís Roberto Barroso para um pedido de vista, o placar foi pausado em cinco votos favoráveis. A retomada do caso, nesta sexta-feira, pelo mesmo, com voto favorável, fechou maioria com seis votos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *