DESTAQUESECONOMIA

Roberto Serquiz toma posse na FIERN

AÇÃO: Serquiz ressaltou como prioridades da gestão, o fortalecimento dos sindicatos filiados à Federação, com estímulo aos mais engajados na missão de ampliação da base sindical; o avanço dos serviços, qualidade e produtividade das casas do Sistema FIERN.

Na solenidade de posse da diretoria da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte (FIERN) para o quadriênio 2023-2027, o empresário e novo presidente Roberto Serquiz apontou as frentes de atuação de sua gestão no comando da FIERN, defendeu uma aliança entre os poderes, a sociedade e o setor produtivo para a retomada da competitividade e destacou a importância da construção conjunta do desenvolvimento sustentável.

A nova diretoria tomou posse nesta quinta-feira (26), em evento prestigiado por empresários, políticos, imprensa e representantes da Confederação Nacional da Indústria (CNI), de Federações das Indústrias de outros estados e de instituições representativas do setor produtivo.

Serquiz ressaltou como prioridades da gestão, o fortalecimento dos sindicatos filiados à Federação, com estímulo aos mais engajados na missão de ampliação da base sindical; o avanço dos serviços, qualidade e produtividade das casas do Sistema FIERN; e o relacionamento externo do Sistema, sempre em defesa e promoção da indústria, com a sociedade civil organizada e suas múltiplas instituições.

Ele defendeu a formação de uma aliança entre os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, a sociedade e o setor produtivo para a retomada da competitividade do RN. “Insistirei com uma sugestão ao Governo do Estado e aos demais Poderes de que seja formada uma ampla aliança, incluindo os Poderes constituídos, a sociedade e o setor produtivo, que vise a ampliação da nossa infraestrutura, o tão necessário salto educacional e um estado eficiente, resgatando, assim, a capacidade competitiva do nosso Estado”, ressaltou.

Durante o discurso, convidou ao palco a nova diretoria empossados para a gestão 2023-2027, agradeceu o apoio dos líderes sindicais e reconheceu a importância do aconselhamento e diálogo. “Não me elegi sozinho ou fruto de um projeto isolado. Conseguimos estabelecer uma proposta consensual com o decisivo e importante apoio de todos os sindicatos da FIERN. A todos os líderes e diretores, meu respeito, gratidão e compromisso. Formarmos um time coeso e vitorioso a favor da indústria e do desenvolvimento sustentável”, concluiu.

Fonte: site Fiern

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *